MAIS ABUP

Hoje falaremos da Prataria Robles, uma casa tradicional que também tem a sua história.

Quem nos fala é Eduardo Robles atual diretor da loja.

A família Robles trabalha no ramo desde 1936, quando o senhor Angel Cuellar Robles começou a trabalhar como empregado da Casa das Pratas, no Largo do Ouvidor, no centro da cidade.

Por volta de 1954 ele montou sua própria loja, com muito orgulho, à rua Capote Valente, em Pinheiros; "Uma loja de fundo de quintal mas sempre com bons artesãos" diz Eduardo. Aí os negócios foram ampliando e o Sr. Robles se viu obrigado a mudar de endereço novamente e foi para o bairro da Pompéia.

Por volta de 1960 surgiu a Prataria Rebouças (atual Robles) com 60 empregados na Alameda Itú, 1598. Quando seu pai faleceu, Eduardo, recém-saído da faculdade de Administração, viu-se com a responsabilidade de dar continuidade ao trabalho do pai e ao esforço conseguido através de tantos anos. Não foi fácil, como ele mesmo reconhece tocar os negócios para a frente. Foi preciso muito trabalho e o apoio que Eduardo faz questão de frisar das senhoras da sociedade, Maricy Trussardi e sua irmã, Maria José Magalhães Pinto, para fazer contatos com novos clientes. Hoje ele confessa o seu amor pelo artesanato em Prata e pretende manter a qualidade e o nome Robles.

 

Somente pessoas cadastradas em nossa plataforma visualizam os dados de contado desta empresa

Cadastre-se gratuitamente

Produtos